ensino.pesquisa.extensão: USP

ensino de graduação

..………. FAU USP, IAU USP,

ensino de pós-graduação

…………. FAU/PROCAM/FFLCH USP
………….…………. no segundo semestre 2020: representações da paisagem brasileira

pesquisa e extensão

FAU USP + PROCAM USP
……….núcleo de estudos da paisagem/ labcidade fau.usp (2002-2019)
……….orientação: pré-iniciação científica + gradução: IC TFG Extensão + pós-graduação
……….Orientação a pesquisas
……….Projetos de Pesquisa e Extensão (2001-2016)

inserção institucional

  • Professor do Programa de Pós-Graduação da FAU USP (2002 ao presente)
  • Professor Orientador do Programa de Pós-graduação em Ciência Ambiental (2003-2017)
  • Professor Livre Docente da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP (2001-2019)
  • Membro do Conselho do Centro Interunidades de História da Ciência da Universidade de São Paulo (2017-2019)
  • Coordenador do Laboratório Espaço Público e Direito à Cidade (LABCIDADE, FAU USP 2005-2016)
  • Coordenador do Mestrado do Programa de Pós-graduação em Ciência Ambiental (PROCAM.USP – 2006 a 2010)
  • Coordenador (2005-2008) e Vice-Coordenador (2008-2014, 2017-2019) da Área de Concentração Paisagem e Ambiente do Programa de Pós-Graduação de Arquitetura e e Urbanismo da FAU.USP.
  • Membro de Colegiados da FAU como Congregação, Departamento de Projeto, Extensão, Grupo de Apoio Pedagógico, Comissão de Pós-Graduação da Fau e do Procam, coordenador de Grupo de Disciplinas, criador do Núcleo de Estudos da Paisagem e do Labcidade, etc.

Consultor em equipes interdisciplinares na área de recuperação ambiental do trecho sul do Rodoanel (coordenando a equipe Social), na regulamentação da APA do Tietê (coordenando a equipe Social), no Plano de Áreas Verdes e Reservas da USP e grupo de apoio ao plano de áreas verdes do município de São Paulo e no plano de paisagem, proteção e gestão do patrimônio da área central.

Criou o Programa Universidade Livre e Colaborativa construído dialogicamente com moradores, do que resultou a criação do Monumento Natural da Pedra Grande em Atibaia, a criação em São Paulo dos Territórios de Interesse da Cultura e da Paisagem, exposição Paisagens de Mário de Andrade no IEB USP, cursos de história da paisagem na FAU, no IEB e na Pinacoteca.

Desenvolve duas linhas de pesquisa e ação cujas ênfases estão em “História da Cultura e da Paisagem” e “Processos Colaborativos de Construção de Conhecimentos e Ações Educativas (Paisagens Partilhadas / Territórios Educativos)”, acolhendo pesquisadores de diversas áreas de formação, desde iniciação científica até pós-doutoramento e desenvolvendo processos colaborativos com comunidades e escolas públicas, atuando principalmente nos seguintes temas: políticas públicas, participação social e ações educativas, história da cultura, da natureza e da paisagem: representações e poéticas, ministrando disciplinas nos campos de Projeto e Planejamento da Paisagem, Planejamento Ambiental, História da Paisagem Brasileira, História da Paisagem (FFLCH), Gestão Colaborativa e Participação Social, Teoria da Paisagem, História da Arte e do Paisagismo em graduação e pós-graduação.