núcleo de estudos da paisagem

prof. euler sandeville


espiral     núcleo de estudos     história da cultura     processos colaborativos     ensino e pesquisa     apoio didático     sobre

foto de Euler Sandeville Jr., Serra do Espinhaço, MG, espécie nativa de Paepalanthus, Eriocaulaceae, 2010.



retornar à página de abertura desta seção






Desenho: Bactris hirta Mart. [as Bactris unaensis Barb. Rodr.]. Barbosa Rodrigues, J..Sertum palmarum brasiliensium, vol. 2: t. 17 (1903).


Eixos Propositivos do Núcleo de Estudos da Paisagem
docente responsável: Euler Sandeville Jr.



O Núcleo de Estudos da Paisagem (NEP) possui, atualmente, os seguintes eixos propositivos, buscando atitudes que promovam a paz, com inspiração de valores humanistas e solidários:

  • a paisagem é entendida em sua materialidade e sua morfologia, em suas dinâmicas e processos ambientais, como experiência partilhada social, cultural e existencialmente, e portanto como uma condição de ser no mundo, articulando esferas da subjetividade, do simbólico, da sociabilidade no cotidiano, e dos tempos nos quais a paisagem se forma como herança e patrimônio coletivo que nos transcende, mas que é também um futuro que vamos definindo com nossas ações, sendo todos coautores de seu destino;

  • a cidade é pensada como processo de educação ativa e de construção de conhecimentos e de práticas coletivas, que não se dissocia das condições naturais e significa-se diante das poéticas da natureza e do trabalho com suas contradições, suas permanências e transformação, abrigando as possibilidades de realização e sonho do habitar o nosso mundo, o nosso tempo; é entendida também como estrutura urbana e territorial decorrente de uma produção desigual e injusta do espaço humano habitado e sua história;

  • a memória, a imaginação e a história são percebidas como constituintes ativos do mundo em transformação, e portanto, criativos: são essenciais à percepção e transformação de nossas práticas sociais, ao mesmo tempo que geram escrituras e representações sobre o passado e o presente, que indicam nosso lugar desejado no mundo e em nossa própria história, colocando questões éticas fundamentais e difíceis ao pesquisador em ação;

  • a arte é vivida como experiência sensível e cognitiva de descoberta de si e do outro no mundo, por meio de linguagens que podem ser dinâmicas e não lineares, carregadas de densidades subjetivas e desejos, de intencionalidades, mas é um processo também de construção de afetividades e de celebração;

  • a alegria, a satisfação, o amor, a amizade, o sonho, a confiança mútua são constituintes necessários de uma busca cognitiva que se pretenda relevante, que se comprometa com a dimensão humana e social dos nossos saberes, que é uma condição estética e ética, mas que só pode realizar-se concretamente na tensão das próprias contradições e potências como um longo processo de aprendizagem ativa entre e com outros;

  • a pesquisa é um processo aberto e experimental contínuo e não linear de conhecimento e posicionamento no mundo, que depende tanto da vivência quanto do acúmulo de conhecimentos e modos de conhecer os processos, sendo fundamentalmente aprendizado e partilha, e que portanto deve sim alimentar-se de razões éticas e sensíveis, e de processos partilhados e participantes com aqueles a quem se refere a produção, divulgação e debate do conhecimento, o que contribui para seu alcance humano e social.

São cinco os eixos temáticos que tornam-se fundamentais em nossa proposição de trabalhos:

. criatividade (sensibilização),

  • criatividade (sensibilização),
  • investigação (construção),
  • participação (integração solidária),
  • compromisso social (ação efetiva).
  • alegria e afetividade (vivência estética e ética)


Conceituação da Espiral da Sensibilidade e do Conhecimento, por Euler Sandeville Jr., 2003

aprender com a cidade, aprender na cidade


      










^ retornar ao início da página


uma proposta de Euler Sandeville Jr.


leia em "sobre" a Licença de Uso ↑ do material deste sítio
cite o conteúdo que utilizar deste sítio conforme indicado em cada artigo ou veja aqui modelo ↑ geral
utilizamos na edição deste sítio software livre
Entre em contado conosco ↑